Compartilhe nas redes sociais:
  • Facebook
  • Google +
  • Twitter
 08/11/2016 00:54:00


Nepomuceno detona time e acaba com folgas

O presidente Daniel Nepomuceno ficou muito irritado com a postura dos jogadores do Atlético na derrota por 2 a 0 para o Coritiba, domingo à noite, no Couto Pereira. “Agora é isso, não vai ter folga, não. Folga nenhuma”, disse, avisando que é uma punição.

Bruno Cantini

Para o presidente Daniel Nepomuceno, “o jogo foi ridículo”

BH - O presidente Daniel Nepomuceno ficou muito irritado com a postura dos jogadores do Atlético na derrota por 2 a 0 para o Coritiba, domingo à noite, no Couto Pereira. Bravo com o fato de o time não ter mais chances reais de título, uma vez que aparece 10 pontos atrás do Palmeiras, no quarto lugar, o dirigente disparou contra o elenco.
"Ridículo o jogo. Essa postura é inadmissível. Passadas essas 48 horas de folga, acabou a brincadeira, tem que mudar a postura, tem que querer ganhar sempre. E vamos cobrar sempre o investimento que foi feito. Desde a comissão técnica até o roupeiro do Atlético (todos) sabem ganhar, foram campeões”, disse Nepomuceno, em entrevista à Rádio Itatiaia.

PUNIÇÃO
Faltando quatro semanas para o fim da temporada, o dirigente encontrou uma forma de punir o elenco. A partir de terça-feira, ninguém mais folga. “Agora é isso, não vai ter folga, não. Folga nenhuma. É inadmissível ficar fora desse G3, é inadmissível perder esse título. É cobrar, cobrar e cobrar”, avisou.
Com dois tropeços seguidos - havia empatado com o Flamengo em casa no fim de semana anterior -, o Atlético caiu para o quarto lugar, três pontos atrás do próprio Flamengo, que hoje ficaria com a terceira e última vaga na fase de grupos da Libertadores.
A equipe só volta a jogar no dia 17, quinta-feira, exatamente contra o líder Palmeiras. Depois, tem pela frente Santa Cruz, Grêmio (primeira partida da final da Copa do Brasil), São Paulo, Grêmio (jogo de volta) e, finalmente, a Chapecoense.

Faça aqui o seu comentário

Existem campos em branco ou fora do padrão requerido.
Houve um erro e seu comentário não pode ser enviado.
Tente novamente mais tarde!!!
Obrigado.
Seu comentário foi enviado com sucesso!!!