Compartilhe nas redes sociais:
  • Facebook
  • Google +
  • Twitter
 07/11/2016 22:39:00


Mulher incendeia a própria casa e morre

Uma mulher de 34 anos ateou fogo à própria casa e se imolou durante uma crise de depressão. Ela morava no bairro Santa Cruz, em Fabriciano. O Corpo de Bombeiros teve que destruir uma parede para resgatar o corpo carbonizado.

J.Passos
Uma mulher de 34 anos morreu durante um incêndio em uma residência na noite de domingo (6) na rua Bolívia, no bairro Santa Cruz, em Coronel Fabriciano. A moradia tinha dois cômodos, além de um banheiro. Com o uso de uma marreta, o Corpo de Bombeiros conseguiu quebrar a parede que dá acesso ao cômodo onde foi encontrado o corpo carbonizado de Nilza Aparecida Neves.

Os militares continuaram no combate as chamas para evitar que o fogo se alastrasse para as demais moradias do lote e facilitar o trabalho da perícia civil. A reportagem conversou com um familiar da vítima que esteve hoje de manhã no IML para fazer o reconhecimento do corpo.
Reprodução



Ele contou que a Nilza jogou gasolina no colchão da cama e depois ateou fogo. “A mãe dela ainda tentou socorrer, mas ela se trancou no banheiro, logo em seguida a televisão explodiu e não teve mais jeito de salvá-la. Ficou tudo destruído”, disse o parente que pediu para não ser identificado.

Ainda segundo a testemunha, Nilza era ex-usuária de drogas e dependia de medicamentos para fazer controle da depressão. Esta não teria sido a primeira vez que a mulher tentou tirar a própria vida.

Faça aqui o seu comentário

Existem campos em branco ou fora do padrão requerido.
Houve um erro e seu comentário não pode ser enviado.
Tente novamente mais tarde!!!
Obrigado.
Seu comentário foi enviado com sucesso!!!