Compartilhe nas redes sociais:
  • Facebook
  • Google +
  • Twitter
 24/06/2016 09:30:00


Institucional

Mesquita é um município brasileiro no interior do estado de Minas Gerais, Região Sudeste do país. Pertence à Mesorregião do Vale do Rio Doce, à Microrregião de Ipatinga e ao colar metropolitano do Vale do Aço e sua população estimada em mais de 9.000 habitantes.

[imagem1]

História da Cidade


A área onde está situado o atual município de Mesquita fora ocupada originalmente pelos índios Botocudos, sendo explorada pela primeira vez pelo Barão de Mesquita, por volta de 1850, a quem o nome da cidade homenageia. Em seguida, tem-se a chegada de Pedro Martins de Carvalho, que instalou uma fazenda e mais tarde doou boa parte de suas terras à Igreja Católica, dedicando-as a Santo Antônio, o que abriu espaço para a formação do povoado de Santo Antônio de Caratinga. Dado o desenvolvimento observado, pelo decreto nº 102, de 10 de junho de 1860, é criado o distrito, subordinado a Santana dos Ferros (atual Ferros), emancipando-se com a denominação de Mesquita pela lei estadual nº 843, de 7 de setembro de 1923.

[imagem2]

Ao emancipar-se, Mesquita estava composta pela sede municipal e pelo distrito de Santana do Paraíso. Pelo decreto-lei estadual nº 148, de 17 de dezembro de 1938, foi adquirido do município de Ferros o distrito de Joanésia e pelo decreto-lei estadual nº 1058, de 31 de dezembro de 1943, é criado o distrito de Belo Oriente. A partir da década de 1950, todos os distritos que até então faziam parte de Mesquita foram emancipados. Joanésia foi elevada à categoria de município pela lei estadual nº 1.039, de 12 de dezembro de 1953; Belo Oriente é emancipada pela lei estadual nº 2.764, de 30 de dezembro de 1962; e Santana do Paraíso emancipa-se pela lei estadual nº 10.704, de 27 de abril de 1992. Pela lei nº 1672, de 12 de abril de 1999, é criado o distrito de Barra Grande de Mesquita.

Turismo


[video https://www.youtube.com/watch?v=50ig48VljmU]

Mesquita é conhecida tradicionalmente pela Festa de Santo Antônio, realizada todo o mês de junho. O evento reúne milhares de participantes, com a queima da tradicional fogueira de 20 metros de altura. O município possui vários pontos turísticos, dentre eles: Lagoa do Budeca, Cachoeira dos Britos, Cachoeira do Tamanduá e a Torre de TV, que é propicia à prática de voo livre. A pracinha da cidade, situada em seu centro, concentra um considerável movimento noturno, especialmente nos finais de semana, quando as pessoas se reúnem para ouvir música, contar causos e namorar.

Formação Administrativa


Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Santo Antônio do Caratinga, figura no município de Santana dos Ferros. Assim permanecendo nos quadros de apuração de recenseamento geral de 1-IX-1920.

Elevado à categoria de município a denominação de Mesquita, pela Lei Estadual nº 843, de 07-09-1923, desmembrado Santana dos Ferros. Sede na antiga povoação de Santo Antônio do Caratinga. Constituído de 2 distritos: Mesquita e Santana do Paraíso, ambos desmembrados de Ferros (ex-Santana dos Ferros). Instalado em 15-11-1926.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 2 distritos: Mesquita e Santana do Paraíso.

Assim permanecendo em divisões territoriais datada de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.

Pelo Decreto-Lei Estadual nº 148, de 17-12-1938, Mesquita adquiriu do município de Ferros o distrito de Joanésia.

No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 3 distritos: Mesquita, Joanésia e Santana do Paraíso.

Pelo Decreto-Lei Estadual nº 1058, de 31-12-1943, é criado o distrito de Belo Oriente e anexado ao município de Mesquita.

Em divisão territorial datada de1-VII-1950, o município é constituído de 4 distritos: Mesquita, Belo Oriente, Joanésia e Santana do Paraíso.

Pela Lei Estadual n º 1039, de 12-12-1953, desmembra do município de Mesquita o distrito de Joanésia. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído de 3 distritos: Mesquita, Belo Oriente e Santana do Paraíso.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1960.
Pela Lei Estadual nº 2764, de 30-12-1962, desmembra do município de Mesquita o distrito de Belo Oriente. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos: Mesquita e Santana do Paraíso.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1991.

Pela Lei Estadual nº 10704, de 27-04-1992, desmembra do município de Mesquita o distrito de Santana do Paraíso. Elevado à categoria de município.

Em divisão territorial datada de 1993, o município é constituído do distrito sede.

Assim permanecendo em divisão territorial datas de 1997.

Pela Lei nº 1672, de 12-04-1999, é criado o distrito de Barra Grande de Mesquita e anexado ao município de Mesquita.

Em divisão territorial datada de 1999, o município é constituído de 2 distritos: Mesquita e Barra Grande de Mesquita.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Alteração toponímica distrital
Santo Antônio do Caratinga para Mesquita, alterado pela Lei Estadual nº 07-09-1923.

Faça aqui o seu comentário

Existem campos em branco ou fora do padrão requerido.
Houve um erro e seu comentário não pode ser enviado.
Tente novamente mais tarde!!!
Obrigado.
Seu comentário foi enviado com sucesso!!!